Renault apresenta novo Logan no Brasil


Finalmente, a nova geração do Renault Logan está entre nós. É a primeira remodelação completa desde seu lançamento, em 2007. Naquela época, a filosofia do sedan era oferecer bom espaço para cinco pessoas e bagagem, porém acompanhado da simplicidade do design e do acabamento. Para ficar em alguns exemplos, o retrovisor direito era o mesmo esquerdo montado ao contrário, e havia apenas uma luz interna de seta, sem indicação do sentido. Em 2010, houve uma reestilização que melhorou o aspecto externo do Logan e também o acabamento. Agora, o modelo 2014 traz linhas mais arredondadas e interior mais sofisticado, sem abrir mão do amplo espaço interno.


De frente, o Logan traz ampla grade que se funde com os faróis retangulares. A lateral possui vincos nos para-lamas e na parte inferior das portas (o recorte das portas e janelas é uma das poucas semelhanças visuais com a primeira geração). A traseira traz lanternas horizontais com um curioso desenho interno, além de tampa do porta-malas com um ressalto na parte superior e o logotipo "Logan" em posição central, como o anterior adotou a partir da linha 2013. 

O novo modelo mede 4,35 metros de comprimento, 1,73 m de largura (sem retrovisores), 1,52 metro de altura e 2,63 m de distância entre-eixos. O porta-malas possui capacidade de 510 litros.


Internamente, chama a atenção o novo painel, com volante de três raios anatômico, quadro de instrumentos que lembra o do Fluence (com ponteiros amarelos, conta-giros à esquerda, velocímetro ao centro e computador de bordo à direita), parte central "saltada" do painel, além de itens opcionais como ar-condicionado digital e sistema multimídia MediaNav.


As motorizações permanecem as mesmas: 1.0 16v e 1.6 8v. O motor 1 litro recebeu alterações que elevaram a taxa de compressão (de 10:1 para 12:1) e a potência (77 cavalos com gasolina e 80 cv com etanol). O torque é de 10,2/10,5 kgfm com gasolina/etanol, a 4250 rotações por minuto. Com este motor, a Renault declara que o Logan vai de 0 a 100 km/h em 14,2 segundos com etanol (0,1 s a menos que com gasolina) e atinge 163 km/h (3 km/h a mais do que com gasolina). Seu consumo urbano com etanol é de 8,1 km/l (com gasolina, 11,9 km/l). Na estrada, ele faz 9,2 km/l com etanol e 13,4 km/l com gasolina.


Já o Logan 1.6 8v gera 98/106 cavalos e 14,5/15,5 kgfm a 2850 rpm (com gasolina/etanol, respectivamente). Seu tempo de aceleração de 0 a 100 km/h com etanol é de 11,6 segundos (0,3 s mais rápido do que com gasolina) e a velocidade máxima é de 180 km/h com etanol. A Renault não divulgou o consumo do motor 1.6.


Serão oferecidas três versões: Authentique 1.0 (acima), Expression (1.0 ou 1.6) e Dynamique 1.6. O Authentique vem de fábrica com airbags frontais, freios ABS com EBD (distribuição eletrônica da força de frenagem), calotas aro 15'', retrovisor com regulagem interna, para-sol do passageiro com espelho, aberturas internas do porta-malas e da portinhola do tanque de combustível, preparação para sistema de som, alarme sonoro de advertência de luzes acesas, conta-giros e indicador de troca de marcha. 


A versão Expression traz de série CD Player/MP3 double-DIN com entradas USB, auxiliar/iPOD e Bluetooth e comandos no volante; direção hidráulica com ajuste de altura, travas elétricas, vidros dianteiros elétricos, alarme perimétrico, banco do motorista com regulagem de altura, computador de bordo, banco traseiro rebatível (encosto inteiriço), trava automática das portas a 6 km/h, ar quente, iluminação do porta-malas, para-sol do motorista com espelho, desembaçador, retrovisor e maçanetas externas na cor da carroceria e coluna B com acabamento na cor preta. 


Já o Dynamique, modelo completo, traz faróis de neblina, ar-condicionado, vidros elétricos traseiros, piloto automático e limitador de velocidade, repetidores dos piscas nos retrovisores, retrovisores elétricos, banco rebatível nas proporções 1/3-2/3, volante revestido em couro, detalhe cromado no para-choque, rodas de liga leve aro 15'' e bolsas atrás dos bancos dianteiros. Os itens opcionais são: ar-condicionado digital, sensor de estacionamento traseiro, indicador de temperatura externa e o MediaNav, além do kit aerodinâmico Sport, que reúne saias laterais, spoilers dianteiro/traseiro e aerofólio na tampa do porta-malas.


A versão Authentique parte de R$ 28 990, sem opcionais como ar quente, ar-condicionado ou direção hidráulica. O Logan Expression 1.0 custa R$ 33 390, ou R$ 39 440 com motor 1.6. O Dynamique, sem incluir opcionais, será vendido por R$ 42 100. 


Comentários

Postar um comentário

Na seção de comentários do Auto REALIDADE você está livre para escrever o que você achou da matéria.

Caso você queira fazer perguntas maiores, incluir fotos ou tirar dúvidas, envie e-mail para blogautorealidade@hotmail.com

Sua opinião é muito importante para o Auto REALIDADE! Estamos a disposição no Facebook (http://www.facebook.com/AutoREALIDADE), no Instagram (http://www.instagram.com/autorealidade e no Twitter (@AutoREALIDADE).