Avaliação - Mercedes-Benz CLA 200 First Edition


Apresentado mundialmente há cerca de um ano, no Salão de Detroit (EUA), o Mercedes CLA já está nas concessionárias brasileiras, inicialmente na configuração 200 First Edition, que será limitada a 1000 unidades (estratégia adotada também na Europa e nos Estados Unidos). O sedan baseado no Classe A é materialização do Concept Style Coupé, que chegou a ser apresentado no Salão de São Paulo em 2012. Os planos da Mercedes-Benz são de comercializar 1400 unidades do CLA este ano. Será que seus atributos são suficientes para conquistar os exigentes consumidores de sedans premium? O Auto REALIDADE foi conferir!



Chegamos a fotografar uma unidade de test-drive do CLA, na distinta cor Azul Universo, poucos dias antes de seu lançamento oficial na cidade de Teresina (PI), que ocorreu no dia 18. À primeira vista já é possível se encantar com as linhas harmoniosas, consideradas mais elegantes que o próprio Classe A, com inspiração no ''cupê de quatro portas'' CLS. A frente é levemente diferenciada do hatch, reforçando sua personalidade: os faróis possuem formato mais ousado, na grade há uma barra horizontal (no A são duas) e o para-choque dianteiro é mais pronunciado. Sua lateral talvez seja o ângulo mais fotogênico, com vincos e curvas suaves, além das rodas aro 18. As lanternas que avançam para as laterais e dupla ponteira de escape dão ar esportivo à traseira. Além de bela, sua carroceria possui coeficiente aerodinâmico de 0.23 (quanto menor o valor, melhor a aerodinâmica; como comparação, Classe A e Classe C possuem Cx de 0.27). Um dos únicos detalhes que destoa levemente do conjunto é a posição das maçanetas externas traseiras, nitidamente distantes dos extremos das portas.




Internamente, não há muitas surpresas para quem já conhecia o A 200 Urban, exceto por dois detalhes curiosos: as portas não possuem molduras das janelas (como em alguns esportivos) e o grande teto panorâmico é acionado eletricamente, com um defletor frontal minimizando a turbulência a bordo e uma tela retrátil que reduz a claridade. A boa ergonomia, o ótimo acabamento e a grande lista de equipamentos encantam quem se entusiasmou com o design externo.

Entretanto, alguns itens fazem falta no CLA: não há sensores de estacionamento (nem câmera traseira, presente em outros mercados, está disponível), saídas de ar para quem vai atrás ou ajustes elétricos do banco do motorista. De série, o sedan oferece ar-condicionado Thermatic, airbags frontais, laterais, de cortina e para os joelhos do motorista (totalizando sete), direção eletromecânica, volante com acabamento em couro e comandos de som e telefone; limpadores de faróis, sensores de chuva, Attention Assist (detector de fadiga que atua entre 80 e 180 km/h)...



...pneus Run Flat (possuem reforços laterais que permitem rodar, mesmo furados), Eco Star/Stop (o motor desliga automaticamente em paradas, ligando ao toque no acelerador, poupando gasolina), Tempomat (controlador de velocidade), freio de estacionamento elétrico, aviso da perda de pressão dos pneus, luzes de freio adaptativas (em frenagens fortes, as lanternas piscam), controle eletrônico de estabilidade (ESP), controle de tração em acelerações (ASR), tração eletrônica em cada roda (ETS), freios ABS com distribuição eletrônica de frenagem (EBD) e assistente de freio (BAS), assistente de partida em subidas (HSA), soleiras Mercedes-Benz iluminadas, pacote de iluminação interna, suporte ISOFIX de cadeirinhas infantis, central multimídia Comand on-line com Bluetooth para players de mídia e celulares, leitor de DVD, CDs, dispositivos USB e SD Card, GPS, acesso à Internet e tela de 7 polegadas, freios com pré-carregamento em situações de emergência e secagem automática na chuva, função HOLD (mantém o carro parado no tráfego sem necessidade de pisar no freio), bancos revestidos em tecido e couro sintético, tapetes em veludo, faróis bi-xenônio, entre outros itens.



Mesmo o espaço interno não sendo prioridade para o público-alvo do CLA, o sedan comporta bem quatro pessoas altas e uma criança (embora ocupantes altos sentados no banco de trás possam ter dificuldades para sair, por conta do recorte da porta e da curvatura do teto). Os apoios de cabeça são integrados aos bancos e, se por um lado são adequados a diversas estaturas dos passageiros, por outro atrapalham a visão traseira. Já o porta-malas possui a boa capacidade de 470 litros e rede porta-objetos à esquerda do compartimento, embora as alças da tampa tomem espaço.


Abrindo o capô (que mantém a antiga vareta de sustentação), conferimos o motor 1.6 16v Turbo, que gera 156 cavalos e 25,5 kgfm de torque, disponível entre 1250 e 4000 rpm. De baixo nível de ruído e injeção direta de combustível, leva o CLA de 0 a 100 km/h em 8,5 segundos, alcançando a velocidade máxima de 223 km/h. Se não chega a ser campeão em consumo (obteve classificação D, numa escala de A, melhor, a E, pior), não é beberrão: faz 8,2 km/l em trechos urbanos e 10,9 km/l na estrada, sempre utilizando gasolina. A autonomia é de cerca de 610 quilômetros. O que não agrada aos fãs puristas da marca é a tração dianteira (apenas no CLA 45 AMG há tração nas quatro rodas), algo que não faz tanta falta em uso cotidiano na cidade, mas não permite um comportamento mais esportivo.


O câmbio 7G-DCT possui dupla embreagem e alavanca na coluna de direção, liberando espaço no console para dois porta-objetos com tampa. Há borboletas para troca de marcha (+ à direita e - à esquerda). Seu mérito é trabalhar com rotações de motor mais reduzidas, com a adoção das sete marchas, contribuindo para o baixo nível de ruído.



Produzido em Kecskemét (Hungria), o CLA possui 4,63 metros de comprimento, 2,03 m de largura e 1,43 metro de altura. Seu peso é de 1430 quilos, e o tanque de combustível comporta 56 litros. A garantia é de dois anos. Além das unidades mostradas nas imagens (nas cores Branco Cirrus, Prata Polar e Azul Universo), há ainda as cores Vermelho Júpiter, Preto Noite, Preto Cosmos, Cinza Montanha e Violeta. Há três combinações de cores internas: tecido preto Corumbá com costuras brancas (como os CLA das imagens), tecido preto Corumbá com costuras na cor cobre e tecido cinza Corumbá.


Quem desejar ser um dos primeiros donos do CLA no Brasil vai pagar um alto preço: R$ 151 900 (a tabela é de R$ 150 500), significativos R$ 33 000 a mais em relação ao Classe A Urban (que agora custa R$ 118 900) e mais caro que o Classe C 180 (à esquerda), que está dando lugar à nova geração na Europa, mas pode ser encontrado por R$ 115 900. Fica a dúvida: optar pelo CLA, mais jovem, bonito e numa série inicial mais exclusiva, ou levar o Classe C, com tração traseira, desvalorização maior à vista, estilo mais discreto e preço mais justo?

Para quem prefere aguardar, a nova geração do Classe C chega ao Brasil no segundo semestre. O CLA 200 deve "cair" de patamar (perdendo alguns equipamentos), competindo diretamente com o Audi A3 Sedan (que custa a partir de R$ 116 400). Além disso, as versões 250 (com motor 2.0 Turbo de 211 cavalos) e 45 AMG (2.0 Turbo com 360 cv) também deverão ser importadas, em meados de 2014.


Veredicto: apostando em seu lado emocional, o Mercedes CLA também acena com diversos atrativos: pacote completo de equipamentos, segurança (cinco estrelas no Euro NCAP, com índice de 91% de proteção a adultos e 75% de proteção a crianças, além da longa lista de itens de proteção ativa e passiva) e o eficiente motor 1.6 de 156 cavalos. A grande pedra no sapato da versão First Edition é justamente seu preço, acima de dezenas de modelos de categoria superior (como Audi A4 Ambiente Multitronic e BMW 328i Sport GP). E quem pagar mais pelo CLA agora leva umodelo de custo-benefício inferior às futuras versões 200 (mais em conta) e 250 (mais potente). Mas, assim como quem adquire um smartphone de última geração com sobrepreço, o que importa para o comprador do CLA First Edition é ter um produto de grife e despertar atenção por onde passa.  



O CLA 200 First Edition tirou...

Design_ 9,8 
Espaço interno_ 9,0 
Conforto_ 9,5 
Acabamento_ 9,5 
Equipamentos_ 9,0 
Desempenho_ 8,5 
Segurança_ 9,5
Consumo_ 9,0 
Custo-benefício_ 7,0

Nota Final_ 9,0


Confira a Galeria de Imagens do Mercedes-Benz CLA!




Comentários

  1. O carro é maravilhoso, sem dúvida, apesar de pecar pela falta (boba) do sensor de estacionamento traseiro. Quem pode pagar sem dúvida vai ficar na dúvida entre o classe C e este novo CLA. Se fosse comigo ( e se eu pudesse) eu compraria o Classe C, a Mercedes está querendo ganhar em cima da fama impondo o preço que eles querem.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Na seção de comentários do Auto REALIDADE você está livre para escrever o que você achou da matéria.

Caso você queira fazer perguntas maiores, incluir fotos ou tirar dúvidas, envie e-mail para blogautorealidade@hotmail.com

Sua opinião é muito importante para o Auto REALIDADE! Estamos a disposição no Facebook (http://www.facebook.com/AutoREALIDADE), no Instagram (http://www.instagram.com/autorealidade e no Twitter (@AutoREALIDADE).