Nissan March e Versa 2019 estreiam novidades na central multimídia

Homenagem do Google aos 54 anos de Ayrton Senna


A página inicial do Google Brasil traz especialmente hoje, data em que Ayrton Senna da Silva completaria 54 anos, um "doodle" com o perfil de seu rosto e a silhueta assemelhada aos McLaren MP4 (4 a 7A) que pilotou entre 1988 e 1993. Após uma carreira iniciada em 1980 no kart, progredindo com o ingresso na Fórmula Ford 1600 (1981), 2000 (1982) e Fórmula 3 (1983), Senna foi piloto da equipe Toleman em 1984, da Lotus (entre 1985 e 1987) e tricampeão mundial de Fórmula 1 brasileiro em 1988, 1990 e 1991 - demonstrando talento especial nas pistas, inclusive debaixo de chuvas. Em 1994, Senna realizou a vontade de fazer parte da equipe Williams-Renault, embora rapidamente se decepcionou com o FW16, "instável e desajeitado", que seria o último F1 que pilotaria.

Este ano, Senna foi homenageado pela escola de samba Unidos da Tijuca (RJ), que se tornou campeã. Seu fatídico acidente na curva Tamburello (Ímola, Itália) foi o último na Fórmula 1, que recebeu uma série de normas de segurança (como áreas de escape, barreiras de pneus, redesenho de curvas e proteção reforçada da célula de sobrevivência) até o falecimento de Maria de Villota, encontrada morta no dia 11 de outubro de 2013, resultante das sequelas de seu grave acidente em testes particulares da Marussia-Cosworth em 3 de julho de 2012.





Fotos extraídas da página Ayrton Senna do Brasil

Comentários