Nissan March e Versa 2019 estreiam novidades na central multimídia

Mercedes C 180 Avantgarde é apresentado em Teresina


Finalmente fomos apresentados à nova geração do Mercedes-Benz Classe C (que carrega a responsabilidade de ser o carro mais vendido da marca, no Brasil e no mundo), em evento realizado na concessionária teresinense Newsedan, que contou com diversos proprietários de Mercedes-Benz e alguns poucos integrantes da imprensa. Hoje, ele já está disponível para compra e test-drive. Toda a pompa foi reservada aos convidados: oferecimento de sushis, tira-gostos, cerveja e champanhe, banda ao vivo, showroom totalmente esvaziado (no lançamento do CLA, por exemplo, outros modelos permaneciam no local) e, na apresentação, capa de carroceria, gelo-seco e chuva de papel picado. Nem tudo no evento foi "padrão Mercedes", entretanto...


  1. O convite informava que o evento iniciava a partir de 19h, mas só puxaram a capa do novo C às 20h22. 
  2. Chuva de papel picado dá um efeito visual marcante na apresentação, mas o carro ficou repleto de quadradinhos prateados na carroceria, no porta-malas e até nos bancos.
  3. Este ponto é mais complicado de atender, mas merece ser citado: o público era muito grande (mais de 50 pessoas) e só havia uma unidade do novo Classe C. Quem entrou no carro teve que ficar pouco tempo dentro dele. 

Externamente, o estilo deu vida nova ao Classe C, que não passava por uma mudança tão profunda desde 2007. As linhas são inspiradas no atual Classe S, o topo-de-linha da Mercedes-Benz. Seus faróis e lanternas adotam luzes de LEDs; as rodas são aro 17" e lembram as do Classe A Urban; os para-choques ostentam traços esportivos e os vincos definidos na carroceria melhoram sua aerodinâmica. Com a maior aplicação de alumínio na carroceria (corresponde a 50%, contra 10% do C antigo), a carroceria perdeu 60 quilos, a despeito do aumento das dimensões.


Internamente, um ambiente mais convidativo, com assentos em posição baixa e bom espaço para cabeça e pernas, mérito da distância entre-eixos alongada em oito centímetros (totalizando 2,84 metros). Já as maçanetas internas localizam-se em posição incômoda. Nesta versão, estão incluídos como itens de série: sete airbags (frontais, laterais, de cortina e para os joelhos do motorista), ajustes elétricos do banco do motorista, direção eletromecânica progressiva, seletor Agility Select (é possível escolher entre os modos Comfort, ECO, Sport, Sport + e Individual), Start-Stop (desliga o motor em paradas, religando ao se acelerar; no modo Sport, é desativado), bancos revestidos em couro sintético "Ártico", sensores de chuva e pressão dos pneus, Attention Assist (detector de fadiga, atuante entre 60 e 200 km/h), freio de estacionamento elétrico, ar-condicionado, alarme, protetor de cárter, pneus run-flat e freios adaptativos (incluindo Hill-Start Assist, que evita que o veículo recue ao dar a partida em aclives; função HOLD, que mantém o veículo parado sem necessidade de manter o pedal do freio pressionado; função de secagem dos discos, que remove a umidade para agilizar a frenagem quando necessário, e função de pré-carga, que coloca as pastilhas em contato com o disco sempre que o condutor tira rapidamente o pé do acelerador).


O sistema Audio 20 é comandado por uma tela sensível ao toque de sete polegadas, que é saltada do console, o que divide opiniões. Há GPS, leitor de CD e DVD, Bluetooth, entradas para iPod/iPhone, cartão SD e dispositivos USB, manual do proprietário digital e navegação na Internet (desde que o carro esteja parado). Quem não quiser tocar a tela pode operar o sistema por meio de um touchpad no apoio de braço. Sua interface é bem similar à dos outros Mercedes nesta faixa de mercado.


O porta-malas de 480 litros possui rede para objetos, mas mantém as dobradiças em forma de arco. Já o motor 1.6 com turbo e injeção direta de combustível é o mesmo adotado no Classe A e no CLA, com 156 cavalos e 25,5 kgfm de torque - de acordo com a Mercedes, o C 180 acelera de 0 a 100 km/h em 8,5 segundos.


A produção nacional do Classe C está confirmada para 2016 na cidade de Iracemópolis (SP). Por ora, ele é importado de Bremen (Alemanha) e chega pelo preço de R$ 138 900 nesta versão, que deverá ser uma das mais comercializadas.


Comentários