Detalhes do Renault Captur 1.6 Life automático, para o público PCD

Novo Mercedes Classe C: os detalhes do lançamento


Ainda hoje, estaremos no evento de lançamento da quarta geração do Mercedes-Benz Classe C, que ocorre simultaneamente em todas as concessionárias da marca alemã no Brasil. Enquanto o Auto REALIDADE aguarda para realizar sua análise mais minuciosa, os detalhes do novo sedan são revelados: no Brasil, será comercializado em quatro versões - C 180 Avantgarde, C 180 Exclusive, C 200 Avantgarde e C 250 Sport.


As dimensões ampliadas da carroceria - o Classe C está 9,5 cm mais longo (totalizando 4,69 metros de comprimento), 4 centímetros mais largo (agora com 1.81 m de largura), com porta-malas de 480 litros e distância entre-eixos oito cm maior (resultando em 2,84 metros) - além do design atualizado, com influências do novo Classe S - deram identidade inédita ao C, que desde 2007 não passava por uma remodelação. Os faróis possuem iluminação total por LEDs, e o C 250 traz o Intelligent Light System; para-choques e vincos mais ousados transmitem a ideia de formas esculpidas pelo vento. E, apesar de ter crescido, o Classe C emagreceu 60 quilos.


A versão C 180 adota o motor 1.6 Turbo já utilizado no Classe A e CLA, com 156 cavalos e 25,5 kgfm. A Mercedes divulga, como tempo de aceleração de 0 a 100 km/h, 8,5 segundos. Desde esta versão, o ECO Start-Stop, que desliga o motor em paradas (religando ao pisar no acelerador), os sete airbags, os pneus run-flat com rodas aro 17'', a tela saltada central de sete polegadas, o sistema Audio 20 com GPS e CD Player, os sensores de chuva e perda de pressão dos pneus, o câmbio 7G-TRONIC PLUS, o alarme, o ar-condicionado e os bancos de couro sintético são itens de série. Tanto a versão Exclusive quanto a Avantgarde saem pelo mesmo preço: R$ 138 900. A diferença entre as duas versões está no acabamento: madeira no primeiro, alumínio e detalhes pretos no segundo.


A versão C 200 conta com motor 2.0 de 184 cv e 30,6 kgfm de torque. O modelo acelera de 0 a 100 km/h em 7,3 segundos e traz itens como luzes de freio adaptativas (variam a luminosidade de acordo com a força da frenagem), teto solar, comandos elétricos do banco do motorista (inclusive ajuste lombar), sensores de estacionamento e detalhes internos em alumínio, além dos itens da versão C 180. Custa R$ 154 900.




Já o C 250, de visual declaradamente mais esportivo, também conta com mais vigor: o motor 2.0 rende 211 cavalos e 35,7 kgfm de torque, cumprindo a prova de 0 a 100 km/h em 6,6 segundos. Seu sistema Comand Online é operado por uma tela de 8,4 polegadas; o teto solar é elétrico, assim como os ajustes dos dois bancos dianteiros e o rebatimento dos retrovisores externos; detalhes internos, incluindo tapetes, são mais esportivos, da mesma forma que o ajuste da suspensão. Este C esportivo chega custando R$ 189 900.



Comentários