Destaques do Auto REALIDADE

sexta-feira, 15 de abril de 2016

Fiat Mobi: em detalhes, o compacto que parte de R$ 31 900


Há muitos anos se falava no subcompacto da Fiat, uma alternativa mais em dia com os anseios de quem busca um modelo em conta no mercado brasileiro. Após muitos flagras (inclusive do Auto REALIDADE), é apresentado o Mobi, nome que faz alusão à mobilidade urbana e que substitui o Uno Vivace, sendo a opção entre o Palio Fire e o Uno reestilizado. Assim como a picape Toro, o Mobi será um dos lançamentos de maior destaque na celebração de 40 anos da montadora italiana estabelecida em Betim (MG). Serão seis versões: Easy, Easy On, Like, Like On, Way e Way On. As vendas começam neste sábado, 16 de abril.


O estilo traçado pela equipe de Peter Fassbender disfarça o pequeno porte com grandes faróis e lanternas, que marcam as laterais, assim como vincos fortes nos para-lamas. Os para-choques são robustos e a tampa traseira é de vidro escurecido, com 5 milímetros de espessura. Maçanetas externas e retrovisores são similares aos do atual Palio, sem pintura nas versões de entrada e com luzes de seta em modelos mais equipados. Já o para-brisa vem do Uno. Estruturalmente, a Fiat afirma que o único elemento comum à plataforma do Uno é a parede corta-fogo.


A carroceria possui 3,57 metros de comprimento, 1,63 m de largura, 1,49 metro de altura (1,50 m nas versões Like) e distância entre-eixos de 2,30 metros. Já as versões Way são um pouco maiores: 3,60 m de comprimento, 1,68 m de largura e 1,55 m de altura. De frente (e na cor branca), parece um Stormtrooper (da saga Star Wars); já a traseira remete a compactos europeus e chineses, que também adotaram a solução da tampa envidraçada para conter custos.


Por dentro, o Mobi em muito lembra o Uno, assim como o Fiat Toro herda componentes do Jeep Renegade. Mas a montadora mineira fez um extenso trabalho para aumentar o aproveitamento do habitáculo e apresentar soluções que agradassem aos jovens, como nas texturas dos plásticos e no arranjo dos componentes. No quadro de instrumentos, a tela de 3,5 polegadas traz indicador de trocas de marchas, hodômetro parcial e total, relógio, marcador do nível de combustível e temperatura do motor. Os bancos dianteiros seguem a moda do up!, mais finos e com apoios de cabeça integrados.


No porta-malas - de 235 litros nas versões Easy e 215 L nos modelos Way e Like - há o "Cargo Box", divisória da parte inferior do compartimento, que é ajustável e permite levar pequenos objetos de forma mais segura. Além disso, o pomposamente batizado "Fix & Fold", de série, permite o rebatimento do encosto do banco traseiro nas proporções 60/40, permitindo levar mais bagagem e, ainda assim, 3 ou 4 passageiros. Também é possível ajustar a inclinação do encosto em duas angulações, para favorecer o conforto dos passageiros ou ganhar 10 litros de porta-malas.


A partir de junho estará disponível o Live On, aplicativo disponível para smartphones Android ou iOS. Dessa forma, é possível fixar o aparelho, que se torna o display multimídia, com som reproduzido nos alto-falantes do carro e comandado por botões no volante. Assim, é possível acessar rádio, GPS, músicas e informações da internet. Na porção superior da tela inicial, o Live On apresenta hora, data e temperatura externa. Logo abaixo ficam as informações do Eco Drive, que analisa como o motorista está dirigindo em termos de economia. Outro app disponível é o Car Parking, que lembra onde o carro foi estacionado, além de informar sobre restrições de trânsito, como o rodízio de placas praticado na cidade de São Paulo (SP).


Como opcional (de série no Mobi Like On) está disponível o som B7 (usado no Uno e nas versões de entrada de Toro e Renegade), com display monocromático de 4 polegadas, entradas USB e auxiliar no console central, além do Bluetooth com streaming de áudio e chamadas telefônicas.


Se o Mobi é novo, o motor é um velho conhecido. Trata-se do 1.0 Fire Flex, o mesmo de quando o Uno estreou a atual carroceria, em 2010. Com 8 válvulas e quatro cilindros em linha, rende 73 cavalos com gasolina e 75 cv com etanol a 6250 rpm, com torque de 9,5/9,9 kgfm a 3850 rpm. Aliado ao câmbio mecânico e a uma carroceria que pesa entre 907 quilos, o Mobi Easy acelera de 0 a 100 km/h em 13,4 segundos com etanol e 14,3 s com gasolina, alcançando 154/153 km/h de velocidade máxima (com etanol/gasolina, nesta ordem), de acordo com a Fiat. 


As demais versões vão de 0 a 100 km/h em 13,8 segundos com etanol e 14,6 s com gasolina. Já as versões Way e Way On têm velocidade final de 151 km/h com gasolina e 152 km/h com etanol.

Em termos de consumo, o Mobi obteve nos testes do Inmetro os resultados de 8,4 km/l na cidade e 9,2 km/l na estrada quando abastecido com etanol. Já com gasolina, as médias melhoram para 11,9 km/l na cidade e 13,3 km/l na estrada. O tanque de combustível comporta 47 litros.


O Moby Easy é a versão mais franciscana, com uma lista mínima de itens para ter preço de R$ 31 900, abrindo mão até do console entre os bancos e do limpador do vidro traseiro. Vêm de série: dois apoios de cabeça traseiros com regulagem de altura, encosto do banco traseiro bipartido, bolsa porta-objetos e porta-garrafas nas portas dianteiras, quadro de instrumentos com "Welcome Moving", cintos dianteiros e laterais de 3 pontos (e central fixo de 2 pontos), console central parcial (!) com porta-copos, ESS (acionamento do pisca-alerta em frenagens de emergência), espelhos nos para-sóis, faróis com máscara negra e "follow me home" (permanecem acesos momentos após desligar a ignição), airbag duplo e freios ABS com EBD, Lane Change (com um leve toque na alavanca de seta, as luzes piscam 5 vezes sem a necessidade de voltar à posição original), luz de leitura dianteira, porta malas com tapete em carpete, display digital de 3,5 polegadas, comando interno mecânico dos retrovisores, revestimento interno em todas as colunas (!), rodas aro 13'' com calotas e pneus 165/70, além de tomada 12 Volts. Como opcionais, há desembaçador com ar quente (R$ 490) e Kit Funcional (por R$ 1800, agrega limpador, lavador e desembaçador traseiro, preparação para rádio (4 alto falantes dianteiros, 2 tweeters e antena), travas elétricas e vidros elétricos dianteiros com função um-toque. (Desconsidere a posição invertida das maçanetas na foto abaixo)


Ao optar pelo Mobi Easy On, o consumidor leva ar-condicionado, para-brisa com faixa degradê, direção hidráulica, rodas de aço com calotas de 14 polegadas e pneus com baixa resistência a rolagem (de perfil 175/65), além do volante com regulagem de altura.


Curiosamente, a versão Like é tratada como modelo "base", dotada dos equipamentos valorizados pelos consumidores - e aí ao retirar itens é que se chega ao modelo Easy. Traz a mais: vidros elétricos dianteiros (com função um-toque e recurso anti-esmagamento), travas elétricas, compartimento removível no porta-malas, chave-canivete com botões de abertura e fechamento das portas e vidros, limpador, lavador e desembaçador traseiro, preparação para rádio (quatro alto-falantes e antena), computador de bordo (com registro de distância A e B, consumo médio A e B, consumo instantâneo, autonomia, velocidade média A e B e tempo de percurso A e B), soleiras nas portas dianteiras, abertura interna do porta-malas e da tampa do tanque de combustível, apliques nas janelas laterais, tapete e acabamento em carpete nas laterais do porta-malas, grade pintada em Preto Ônix, maçanetas e capas dos retrovisores na cor da carroceria, console central com porta-objetos e porta-copos (dois dianteiros e um traseiro), além de cintos dianteiros com regulagem de altura.

Como opcional, o Mobi Like terá o Kit Tech 1 (R$ 2100), que inclui alarme e rádio Connect integrado ao painel com função RDS, entradas USB e auxiliar, Bluetooth para chamadas telefônicas e streaming de áudio, além de volante com comandos de som e acabamento em Preto Ônix.


Já o Like On não possui opcionais. A lista de itens contempla, além de ar-condicionado e direção hidráulica, itens como faróis de neblina, conta-giros (!), sensor de estacionamento traseiro, rodas de liga leve de 14 polegadas com pneus 175/65, retrovisores elétricos com função tilt-down do espelho direito ao engatar a ré, banco traseiro bipartido com ajuste em duas posições, apoio de pé para o motorista, 3 alças de teto, porta-óculos e o rádio Connect com Bluetooth e entradas USB e auxiliar.


A versão de estilo aventureiro Way traz os itens do Like, além de barras longitudinais de teto, para-choques com estilo diferenciado, molduras nas caixas de roda e suspensão elevadas. Os opcionais são os sistemas de som B7 e o Live On, ambos acompanhados de alarme e comandos no volante. Já o Way On traz ar-condicionado, direção hidráulica, vidros dianteiros elétricos, rodas de liga leve de 14 polegadas e console de teto com porta-objetos e espelho adicional, como no Uno.


Serão três cores sólidas (Vermelho Alpine, Branco Banchisa e Preto Vulcano) e os tons metálicos Vermelho Oppulence, Azul Netuno, Prata Bari e Cinza Scandium, e ainda as perolizadas Branco Alaska, Roxo Mirtilo (!) e Verde Amalfi (que na verdade é azul) - e que adicionam R$ 1250 ao preço final. A garantia é de 3 anos.


Também estarão disponíveis cerca de 40 acessórios Mopar nas concessionárias, como retrovisor com câmera de ré, alarme, central multimídia com câmera de ré, protetor solar de para-brisa, porta-óculos, pedaleiras esportivas, bagageiro de teto tubular, rede elástica para porta-malas, par de bolsas expansíveis, kit malas, capa de tecido toalha para bancos, capa para transporte de animais e cinta para prancha de surf, entre outros.

Durante os próximos dias haverão festas batizadas de Mobi Party, que concentram DJs, food trucks, parkour, shows, cervejas artesanais, slackline e pinturas ao vivo. No próximo sábado, 16 de abril haverão festas em Belo Horizonte, São Paulo, Campinas, Rio de Janeiro e Curitiba; já no dia 24, Recife será palco da Mobi Party. Confira localizações, horários e atrações clicando aqui.


Tabela de preços

Mobi 1.0 Easy - R$ 31 900
Mobi 1.0 Easy On - R$ 35 800
Mobi 1.0 Like - R$ 37 900
Mobi 1.0 Like On - R$ 42 300
Mobi 1.0 Way - R$ 39 300
Mobi 1.0 Way On - R$ 43 800




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Na seção de comentários do Auto REALIDADE você está livre para escrever o que você achou da matéria.

Caso você queira fazer perguntas maiores, incluir fotos ou tirar dúvidas, envie e-mail para blogautorealidade@hotmail.com

Sua opinião é muito importante para o Auto REALIDADE! Estamos a disposição no Facebook (http://www.facebook.com/AutoREALIDADE), no Instagram (http://www.instagram.com/autorealidade e no Twitter (@AutoREALIDADE).

Curta a página do Auto REALIDADE!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...