Nissan New March terá motor 1.0 três-cilindros e novas versões


Em março, o Nissan New March passa a contar com o novo motor 1.0 de três cilindros, configuração já existente em compactos como Hyundai HB20, Ford Ka, Volkswagen up! e Kia Picanto. A motorização HR10, que substitui o 1.0 atual e é derivado do motor 1.2 do Micra europeu, dispensa o reservatório de gasolina para partida a frio, traz cabeçote e bloco de alumínio, corrente e velas substituídas a cada 100 000 quilômetros, além de quatro válvulas por cilindro. As versões Conforto, S e SV passam a adotar este novo propulsor e contam com reforço do isolamento acústico e quinta marcha alongada para baixar a rotação do motor em velocidade de cruzeiro: confira abaixo os dados dos motores 1-litro.


Potência

1.0 quatro-cilindros: 74 cavalos (gasolina e etanol)
1.0 três-cilindros: 77 cavalos (gasolina e etanol)

Torque

1.0 quatro-cilindros: 10,0 kgfm (gasolina e etanol)
1.0 três-cilindros: 10,0 kgfm (gasolina e etanol)

Consumo na cidade

1.0 quatro-cilindros: 8,7 km/l com etanol; 12,5 km/l com gasolina
1.0 três-cilindros: 8,8 km/l com etanol, 12,9 km/l com gasolina

Consumo na estrada

1.0 quatro-cilindros: 10,4 km/l com etanol; 14,8 km/l com gasolina
1.0 três-cilindros: '10,3 km/l com etanol; 15,1 km/l com gasolina



A má notícia é que o New March, que já havia aumentado de preço com as alíquotas elevadas do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados), fica mais caro com o novo 1.0 em todas as versões. A versão Conforto, que em 2014 custava R$ 32 990, salta para R$ 35 990. O March S 1.0 agora custa R$ 37 990, e o SV, R$ 40 990.


O March 1.0 Conforto traz de série ar-condicionado, direção elétrica regulável em altura, computador de bordo, banco do motorista com regulagem de altura, rodas aro 14'' com calotas, airbags frontais, freios ABS com distribuição eletrônica de frenagem e Brake Assist, conta-giros e abertura interna da tampa do tanque de combustível. A versão S vem com vidros elétricos, chave com comando de travamento e destravamento das portas e retrovisores elétricos. Na versão SV, o compacto ganha rodas de liga leve aro 15'', CD Player com entrada USB, 4 alto-falantes, comandos no volante, Bluetooth, além de faróis de neblina e aerofólio com brake-light.


Outra novidade é que o March 1.6 de 111 cavalos abandona o velho tanquinho de partida a frio. O modelo é oferecido nas versões S (R$ 40 990), SV (R$ 43 990) e SL (R$ 47 990, que possui ar-condicionado digital, central multimídia NissanConnect com tela de 5,8 polegadas, câmera de ré, rodas aro 16'', alarme perimétrico, além de faróis e lanternas escurecidos). Em todos os modelos, a pintura metálica acrescenta R$ 990 ao preço.


Além disso, na tabela do Programa de Etiquetagem Veicular do Inmetro, constam versões que ainda estão por vir: Rio (alusiva à cidade-sede dos Jogos Olímpicos de 2016), S Edition e SR (com apelo mais esportivo, como na "geração" passada), todas elas equipadas com o motor 1.6 16v.

Comentários

  1. Gostaria que vocês fizessem um teste em concessionária da Ford pra ver se o problema do forro do teto do Focus já foi resolvido. Um amigo meu comprou um 1.6 SE e vivia reclamando que o forro do teto é mole, de material barato e vivia afundando com o toque e amassando, deixando marcas. Ele disse que haviam muitas reclamações na internet a respeito disso.
    Seguem alguns vídeos:

    http://youtu.be/s8-6DFTRZcs

    http://youtu.be/M1DGrCUzWpE

    Tem outros mas não estou achando. Gostaria de saber se o 2015 já melhorou a forração, ou se continua com aquela estopa mole! Se vocês pudessem fazer um vídeo seria bom.

    Obrigado.

    Excelente o blog de vocês!

    ResponderExcluir
  2. Oi Roger! Assim que for possível, faremos esta análise com base nas unidades do Focus destinadas aos consumidores.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estão tendo reclamações dele soltando na lateral da porta também. Mas o pior é a parte central do teto, onde normalmente fica a luz do carro (e no caso dele tem um pequeno plástico que deve ser de alarme). Essa parte é extremamente molenga, amassa e afunda ao menor aperto com a mão. O material usado também é de baixíssima qualidade, e além de amassar mancha fácil. Deveriam usar tecido no teto como faz o Golf e o Cruze, não aquela estopa horrível do Focus.
      Gostaria de saber se o problema foi resolvido.
      Abraços, obrigado pela atenção.

      Excluir

Postar um comentário

Na seção de comentários do Auto REALIDADE você está livre para escrever o que você achou da matéria.

Caso você queira fazer perguntas maiores, incluir fotos ou tirar dúvidas, envie e-mail para blogautorealidade@hotmail.com

Sua opinião é muito importante para o Auto REALIDADE! Estamos a disposição no Facebook (http://www.facebook.com/AutoREALIDADE), no Instagram (http://www.instagram.com/autorealidade e no Twitter (@AutoREALIDADE).