Alpine A110: as especificações do pequeno (e poderoso) esportivo


Um ano após a apresentação do Alpine Vision Show Car, a Alpine revelou no Salão de Genebra seu primeiro modelo de produção em décadas: o novo A110, cupê de dois lugares com proposta fiel à berlineta dos anos 1960. O novo carro será construído em Dieppe, França, e as vendas começarão ainda em 2017 na Europa. As entregas no Reino Unido e no Japão começarão em 2018. A grande promessa está em oferecer prazer ao dirigir.

 
Com apenas 1080 quilos (excluindo opcionais) graças ao farto uso de alumínio em sua carroceria, o Alpine da nova era possui 4,18 metros de comprimento, 1,80 m de largura e 1,25 metro de altura, com distribuição de peso de 44% sobre o eixo dianteiro e 56% na seção traseira. O centro de gravidade foi literalmente centralizado em sua carroceria, com o posicionamento do motor entre os eixos e o tanque de combustível entre o eixo dianteiro e o propulsor.


O Alpine A110 tem motor 1.8 quatro-cilindros turbinado com diversos componentes específicos para o novo modelo, com rendimento de 252 horsepower e 32,6 kgfm de torque. Esta relação peso-potência explica porque o A100 é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 4,5 segundos. A velocidade máxima é limitada eletronicamente a 250 km/h. Já o câmbio é o automatizado de sete marchas Getrag banhado a óleo.


Estarão disponíveis os modos de condução Normal, Sport e Track, que incluem nas configurações de motor, câmbio, assistência da direção, controle de estabilidade, som do motor e gráficos do quadro de instrumentos.


A carroceria teve atenção especial em aerodinâmica, sem uso de spoilers e outros artifícios que acabariam comprometendo o design. Um artifício usado foi a carenagem da parte de baixo, que ajudou a fechar o coeficiente aerodinâmico em 0,32. Pinças de freio e rodas de 18 polegadas são de alumínio, e para reduzir o peso, até os bancos entraram na dieta, pesando apenas 13,1 quilos cada.



A primeira fornada da série Premiére Edition será limitada a 1955 carros - número em alusão ao ano de fundação da Alpine por Jean Rédélé. Com três opções de cor para a carroceria (Alpine Blue, Noir Profond ou Blanc Solaire), cada um terá plaqueta com o número de produção no console central, além de detalhes com as cores da bandeira da França, bancos esportivos Sabelt de couro, sistema de som Focal, pedaleiras de alumínio, detalhes internos em fibra de carbono e pintura especial das rodas, pelo preço de 58.500 euros.

Comentários

  1. Esse carro pra mim é um show...conseguiram manter o estilo retrô...do original que sempre será um ícone...fantástico trabalho dos designers!!!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Na seção de comentários do Auto REALIDADE você está livre para escrever o que você achou da matéria.

Caso você queira fazer perguntas maiores, incluir fotos ou tirar dúvidas, envie e-mail para blogautorealidade@hotmail.com

Sua opinião é muito importante para o Auto REALIDADE! Estamos a disposição no Facebook (http://www.facebook.com/AutoREALIDADE), no Instagram (http://www.instagram.com/autorealidade e no Twitter (@AutoREALIDADE).