Detalhes do Renault Captur 1.6 Life automático, para o público PCD

Kia Optima reestilizado chega "em silêncio" ao Brasil


A chegada da linha 2015 do Kia Optima às concessionárias brasileiras conseguiu ser mais discreta que as modificações que ele recebeu, que abrangeram frente e traseira. Agora, o modelo conta com a versão 2.0, na qual faróis de neblina substituem os quatro pontos de LEDs (permanecendo o feixe de diodos emissores de luz nos faróis principais), maçanetas externas cromadas, imagem da câmera de ré no retrovisor interno e opção de revestimento na cor bege. As rodas aro 17'' tem estilo interessante (veja acima), mas parecem subdimensionadas para o porte do modelo.

A Kia até agora não divulgou imagens do Optima destinado ao Brasil, que possui diferenças internas em relação aos modelos de outros mercados. 


Por dentro, novo volante de três raios com comandos de áudio, seis airbags, freio de estacionamento elétrico, entradas USB/iPod/Auxiliar, pedais de alumínio e ar-condicionado dual-zone com refrigeração do porta-luvas, mas o rádio com visor monocromático permanece, assim como a tela do computador de bordo, dentro do velocímetro. O motor (movido unicamente a gasolina) rende 165 cavalos e 20,2 kgfm de torque. Esta versão parte de R$ 99 900.
A versão 2.4 continua disponível (com 180 cv e 23,6 kgfm de torque @ 4000 rpm) e traz a mais: faróis baixos com xenônio, alto-nivelamento e lavador, chave Smart Key para travamento e abertura das portas e porta-malas a distância, botão Start/Stop para partida do motor e teto solar duplo panorâmico. Com câmbio automático sequencial de seis marchas, o Optima 2.4 custa R$ 115 900, sem valor do frete incluído.


Comentários