Destaques do Auto REALIDADE

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

Honda WR-V: aventureiro baseado no Fit mostra sua cara


Em um mercado onde a onda de utilitários compactos disparou, praticamente todas as montadoras apostam seus esforços em novidades no segmento. A Honda, que já havia se aventurado com o Fit Twist, lança agora o WR-V: é essencialmente um Fit com verve aventureira. Os preços do modelo ainda são sigilosos, e devem ser revelados assim que o modelo chegar às concessionárias, em março deste ano. 



O WR-V chega ao mercado no aniversário de 20 anos de operações da marca no Brasil - o primeiro modelo a ser fabricado em Sumaré (SP) foi o Civic - hoje, a linha conta também com HR-V, City e Fit. Seu estilo é marcado pela frente elevada com barra prateada que interliga os faróis - que por sua vez vêm com luzes de uso diurno em LED.


Outros detalhes de estilo específicos para o WR-V são a grade frontal, as rodas de 16 polegadas com pneus 195/60 e emolduradas por para-lamas mais robustos e traseira com lanternas e tampa traseira redesenhada (com moldura cromada acima da placa de licença), além do para-choque com moldura inferior prateada.


Com de 2,55 metros de entre-eixos, 4 m de comprimento, 1,73 m de largura e 1,6 m de altura, o WR-V conta com 17,9 centímetros de vão livre do solo e ângulos de ataque e saída de 21º e 33º, respectivamente. A suspensão adota amortecedores com batente hidráulico e diâmetro de cilindro reforçado, além de eixo traseiro assemelhado ao do HR-V, direção elétrica com calibragem específica (com raio de manobra de 5,3 metros) e barra estabilizadora, buchas frontais e travessa de suspensão mais robustas.


Já o interior é bastante similar ao do Fit, tirando os bancos mais envolventes (com padronagens diferentes conforme a cor da carroceria, podendo ser preto e prata ou preto e laranja). O sistema de ordenação de bancos ULTRa SEAT também está presente no WR-V, possibilitando a acomodação de objetos de grandes dimensões.


O painel ganha um friso horizontal e as portas contam com revestimentos que seguem a cor dos bancos. A mecânica também é conhecida: o motor 1.5 i-VTEC FlexOne, com controle eletrônico variável de sincronização e abertura de válvulas. Rende 115/116 cavalos a 6000 rpm e 15,2/15,3 kgfm de torque a 4800 rpm – dados com gasolina e etanol, respectivamente. Já o câmbio é o automático CVT.



Após o lançamento nacional em março de 2017, o WR-V também será vendido em outros países da América do Sul. O nome do WR-V significa Winsome Runabout Vehicle.


Um comentário:

Na seção de comentários do Auto REALIDADE você está livre para escrever o que você achou da matéria.

Caso você queira fazer perguntas maiores, incluir fotos ou tirar dúvidas, envie e-mail para blogautorealidade@hotmail.com

Sua opinião é muito importante para o Auto REALIDADE! Estamos a disposição no Facebook (http://www.facebook.com/AutoREALIDADE), no Instagram (http://www.instagram.com/autorealidade e no Twitter (@AutoREALIDADE).

Curta a página do Auto REALIDADE!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...