Destaques do Auto REALIDADE

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Nova geração do Porsche Panamera chega às concessionárias



Submetido à sua mudança mais profunda desde o lançamento em 2009, o Porsche Panamera chega às concessionárias brasileiras em quatro versões: 4S (R$ 758 000), 4S Executive (R$ 807 000) e Turbo (R$ 981 000). Os modelos 4S trazem motor 2.9 V8 turbinado, e o Turbo, 4.0 V8.


Com o aumento de 30 cavalos de potência em comparação ao modelo anterior, o novo Panamera Turbo acelera, com o pacote Sport Chrono, de 0 a 100 km/h em 3,6 segundos - graças aos 550 cavalos a 5750 rpm e torque de 78,5 kgfm entre 1960 e 4500 rpm. Esta versão traz o novo câmbio automatizado PDK de dupla embreagem e oito marchas, além de tração nas quatro rodas. A velocidade máxima do Panamera Turbo é de 306 km/h.


Já o Panamera 4S entrega potência de 440 cv a 5650 rpm e torque de 56,1 kgfm entre 1750 e 5500 rpm, força que o leva de 0 a 100 km/h em 4,2 segundos com o pacote Sport Chrono e a atingir a velocidade máxima de 289 km/h. Assim, como o modelo Turbo, o câmbio também é o PDK de 8 marchas e a tração é integral.


Para quem não se contentar com o espaço interno, a Porsche oferece para as versões 4S e Turbo uma opção alongada denominada Executive, com distância entre-eixos 15 centímetros maior.


O design externo do Panamera ganhou mais equilíbrio em sua segunda geração. Note que a silhueta do teto é mais harmônica, as laterais estão mais robustas e as formas lembram o eterno esportivo 911.


Aderindo ao conceito Porsche Advanced Cockpit, boa parte dos botões foram substituídos por painéis sensíveis ao toque no console central. Ao centro do quadro de instrumentos, o único mostrador analógico é o do conta-giros, mantido neste posição em uma homenagem ao Porsche 356 A de 1955.



O Controle do Chassi 4D analisa e sincroniza todos os sistemas do chassi em tempo real e otimiza o desempenho do novo Panamera na estrada. Como opcional para os dois modelos, estão disponíveis as rodas traseiras direcionais, item adaptado do 918 Spyder e 911 Turbo. Houve também aprimoramento nos freios.


Desde a primeira geração do Panamera, em 2009, foram cerca de 150 mil unidades comercializadas. A fabricação do modelo será feita inteiramente nas instalações de produção em Leipzig (vale lembrar que a Porsche recorreu à VW e à Valmet para efetivar a produção de modelos como Cayenne e Cayman). A marca investiu cerca de 500 milhões de euros, incluindo uma área nova para a fabricação de carrocerias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Na seção de comentários do Auto REALIDADE você está livre para escrever o que você achou da matéria.

Caso você queira fazer perguntas maiores, incluir fotos ou tirar dúvidas, envie e-mail para blogautorealidade@hotmail.com

Sua opinião é muito importante para o Auto REALIDADE! Estamos a disposição no Facebook (http://www.facebook.com/AutoREALIDADE), no Instagram (http://www.instagram.com/autorealidade e no Twitter (@AutoREALIDADE).

Curta a página do Auto REALIDADE!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...