Nissan March e Versa 2019 estreiam novidades na central multimídia

Ferrari California T: evolução da macchina


Inalterada desde seu lançamento (há seis anos), a Ferrari California evolui e adota o singelo sobrenome T. Trata-se da única representante da marca do Cavallino Rampante a utilizar turbo (o que não ocorria desde a F40, descontinuada em 1992). Com as modificações mecânicas, vieram alterações visuais. A frente ganha para-choque e faróis inspirados nas F12berlinetta e FF, enquanto o design da traseira (criticado na California anterior) foi suavizado.


O motor 3.8 V8 produz 560 cavalos @ 7500 rpm e 77,0 kgfm (aumento de 45%) @ 4750 rpm. A California T acelera de 0 a 100 km/h em 3,6 segundos e chega a 316 km/h de velocidade máxima. Como comparação, a California anterior tinha 460 hp, fazia de 0 a 100 km/h em cerca de 4,0 segundos e alcançava 310 km/h. Tudo isso com consumo médio de 9,5 km/l.

A apresentação oficial da California T ocorre no Salão de Genebra (Suíça).

Comentários