Os detalhes do Jeep Renegade fabricado no Brasil


Texto - Júlio Max | Fotos - Rafael Susae

Uma das principais novidades apresentadas no Salão de São Paulo, o Jeep Renegade começa a ser produzido na nova planta da Fiat de Goiana (PE) e suas vendas iniciam nacionalmente em abril de 2015. O utilitário será ofertado em três versões. A Sport, nestas fotos, será a mais simples, com preço estimado na faixa de R$ 65 000 a R$ 70 000. Poderá ser equipado com motor 1.8 Flex ou 2.0 Turbodiesel de 170 cavalos, porém, contrariando a tradição Jeep (assim como o Compass), terá tração 4x2. Há três opções de câmbio: manual de cinco marchas (exclusivo para o Sport), e automático de 6 ou 9 marchas.



A versão Longitude não chegou a ser apresentada ao público, mas terá aspecto externo similar ao da versão Sport, trazendo rack de teto, rodas com desenho exclusivo e maçanetas/capas do retrovisores na cor da carroceria. Internamente, o Renegade se destaca pelo estilo apurado e pelos itens de comodidade e tecnologia. Seu quadro de instrumentos, com tela horizontal colorida de sete polegadas, lembra muito o conjunto do novo Cherokee. Além disso, o sistema de som é comandado por uma tela sensível ao toque de 5 polegadas nas versões de entrada e de 6,5 polegadas nas mais equipadas. Seu teto solar panorâmico, My Sky, tem acionamento elétrico e pode ser retirado/guardado no porta-malas. A versão Sport traz um grafismo que lembra a frente do veterano Jeep Willys - na versão topo-de-linha, há neste local o Selec-Terrain, que possibilita selecionar tração reduzida e modos de direção adequados a terrenos como neve, areia, lama e rochas.


O Renegade Trailhawk, único a contar com tração 4x4 e equipado exclusivamente com motor 2.0 Turbodiesel e câmbio automático de nove velocidades. Digno de receber o selo "Trail Rated", sua suspensão é elevada em dois centímetros, os ganchos de reboque são evidenciados pela cor vermelha e as rodas aro 17'' são calçadas por pneus mais robustos. Esta versão será lançada meses depois, em meados do próximo ano, e deve chegar por preços na casa dos R$ 110 000.




Comentários

  1. Se vier com o motor diesel de 170cv que tem na Europa, com esse baixo peso vai fazer quase 15km/l, tá dando uma relação peso potência de apenas 8,47 (dados da Jeep Européia), é um mini foguete com torque e potência de sobra e de quebra leva o 4x4 e câmbio ZF A/T de 9 marchas, por R$ 99.000 na versão diesel S10 vai canibalizar quase tudo que a gente conhece nessa faixa de preço (principalmente o Troller sem Air Bag por mais caro que isso) , a proposito, acredito que quem compra um veiculo nesse valor se preocupa sim com o consumo...tó até cansado dos amigos, felizes proprietários de Tiguans e Captivas V6 e até IX35 reclamarem do consumo...

    ResponderExcluir
  2. Sou cliente toyota, estou no aguardo do 16/16 para fazer uma nova aquisição, iria para o terceiro corolla, nunca me decepcionou, custo beneficio zero diante da demanda. Confesso que ao conhecer o renegade tralhawk turbo diesel 4×4 me balançou para uma possivel mudança de marca, mesmo porque sou apaixonado por jeep e juntaria o util ao agradavel, muito embora ainda não fiz o drive, diante de tanta beleza e conforto que o renegade proporciona visulamente ainda me encontro inibido ao ler tantas criticas na rede com relação ao motor Jeep/FIAT, ISSO ME DA MEDO, pois nunca fui feliz com fiat e não quero jamais , Jeep é uma outra estoria, não mereceu essa parceria, quero ouvir mais sobre o motor diesel do renegade, gostaria antes da aquisição ouvir sobre o motor diesel....Guido

    ResponderExcluir
  3. Sou cliente toyota, estou no aguardo do 16/16 para fazer uma nova aquisição, iria para o terceiro corolla, nunca me decepcionou, custo beneficio zero diante da demanda. Confesso que ao conhecer o renegade tralhawk turbo diesel 4×4 me balançou para uma possivel mudança de marca, mesmo porque sou apaixonado por jeep e juntaria o util ao agradavel, muito embora ainda não fiz o drive, diante de tanta beleza e conforto que o renegade proporciona visulamente ainda me encontro inibido ao ler tantas criticas na rede com relação ao motor Jeep/FIAT, ISSO ME DA MEDO, pois nunca fui feliz com fiat e não quero jamais , Jeep é uma outra estoria, não mereceu essa parceria, quero ouvir mais sobre o motor diesel do renegade, gostaria antes da aquisição ouvir sobre o motor diesel....Guido

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Na seção de comentários do Auto REALIDADE você está livre para escrever o que você achou da matéria.

Caso você queira fazer perguntas maiores, incluir fotos ou tirar dúvidas, envie e-mail para blogautorealidade@hotmail.com

Sua opinião é muito importante para o Auto REALIDADE! Estamos a disposição no Facebook (http://www.facebook.com/AutoREALIDADE), no Instagram (http://www.instagram.com/autorealidade e no Twitter (@AutoREALIDADE).