Destaques do Auto REALIDADE

quarta-feira, 2 de março de 2016

Bugatti Chiron: definições de performance atualizadas


Desde 2009 era esperado um sucessor do Bugatti Veyron, modelo que foi mais uma questão de honra do então presidente do grupo VW (Ferdinand Piëch) do que uma proposta viável e competitiva de superesportivo. Nesta época, os rumores indicavam que o Veyron seria substituído pelo sedã Galibier, mais luxuoso e um pouco menos potente. Mas alguns anos depois, veio a confirmação de que a Bugatti desenvolvia um novo cupê à altura do Veyron, e que teve seu design antecipado pelo Vision Gran Turismo. Seu nome: Chiron, que tem a ambição de ser o carro mais rápido, luxuoso e exclusivo do mundo.


Se o Veyron já era um carro superlativo, o Chiron avança em todos os aspectos, a começar pelo motor 8.0, que mantém a disposição W16 com quatro turbos, gerando 1500 horsepower (mais até do que a versão Super Sport do antecessor) e o torque absurdo de 163,1 kgfm entre 2000 e 6000 rpm. Por motivos de segurança, os modelos de rua terão velocidade máxima limitada eletronicamente a 420 km/h. O câmbio é automatizado de dupla embreagem, com 7 marchas.


Monocoque e diversos outros componentes são feitos de fibra de carbono, embora a Bugatti não tenha divulgado o peso em ordem de marcha e outros detalhes mais específicos. 


Ainda que com uma carroceria toda nova, o Chrion lembra o antecessor Veyron em detalhes como a grade central, as linhas do capô, a disposição das entradas de ar e a parte traseira da carroceria seccionada por um arco, com cor contrastante em relação à frente. A traseira traz personalidade própria, com suas saídas de ar mais agressivas e lanternas unidas. As rodas são aro 20'' na frente (com pneus 285/30) e de 21 polegadas atrás (com pneus 355/25).


Já o interior está mais espaçoso e com toques de modernidade. No quadro de instrumentos, o velocímetro analógico (que marca até 500 km/h!!!) é acompanhado de outras três telas, também com iluminação azulada. A parte central do painel está reservada aos comandos de ar-condicionado. Já o sistema de som traz quatro tweeters com membranas de diamante de 1 quilate, que se somam ao primeiro mid-range com membrana de duas zonas separadas.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Na seção de comentários do Auto REALIDADE você está livre para escrever o que você achou da matéria.

Caso você queira fazer perguntas maiores, incluir fotos ou tirar dúvidas, envie e-mail para blogautorealidade@hotmail.com

Sua opinião é muito importante para o Auto REALIDADE! Estamos a disposição no Facebook (http://www.facebook.com/AutoREALIDADE), no Instagram (http://www.instagram.com/autorealidade e no Twitter (@AutoREALIDADE).

Curta a página do Auto REALIDADE!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...