Destaques do Auto REALIDADE

sábado, 19 de março de 2016

VW Saveiro ganha personalidade própria na linha 2017


Lançada em 1982 como a quarta e última integrante da família Gol, a Volkswagen Saveiro trilhou uma longa trajetória nas últimas décadas. Em sua primeira fase, ainda tinha motor a ar - só em 1984 chegou o primeiro propulsor refrigerado a água, aliado a um câmbio manual de 4 marchas. No ano de 1986, recebeu sua primeira reestilização e passou a ser oferecida em três versões, visando dos frotistas ao público mais urbano: C, CL e GL. Assim, no ano de 1990, a picape chegou à marca de 100 mil unidades produzidas.


Em 1991 a Saveiro acompanhou a reestilização do restante da linha, ainda que em algumas versões, os para-choques ainda não eram envolventes. A série Sunset chegou em 1993, e a Summer surgiu dois anos depois. Se o Gol "bolinha" chegou ao mercado em 1994, a Saveiro só foi reestilizada no final de 1997, trazendo caçamba com maior capacidade de carga, injeção eletrônica multiponto e versões de apelo esportivo esportivo, como a TSi.


Em abril de 2000 chegou a Saveiro III, com linhas mais retas e elegantes, bem como o painel modernizado e a motorização com atualização no comando de válvulas. Esta fase marcou a reedição da série Summer entre 2000 e 2002, além das edições Fun (2001), SuperSurf (2002-03) e da versão de entrada City, com painel da geração anterior.



Para racionalizar custos de produção, em 2005 chegou a Saveiro G4, que teve as séries Crossover (2005), Surf (2007) e Titan (2007).


Foi em 2009 que a Saveiro mudou por completo,adotando a arquitetura PQ24 e, pela primeira vez, contando com a opção de cabine estendida. No ano seguinte, estreou a versão aventureira Cross. Já em 2013, chegava ao mercado a versão reestilizada, com a cara padrão dos Volkswagen globais. Em 2013, a picape alcançou a marca de 1 milhão de unidades produzidas. No ano de 2014, a Saveiro estreou a carroceria cabine dupla, com espaço para 5 pessoas, além da versão Cross com motor 1.6 16 válvulas MSI (de 110/120 cv) e a série Surf; em 2015 foi a vez de entrar na onda do Rock in Rio. Das mais de 1,1 milhão de unidades produzidas, cerca de 200 mil foram exportadas para mais de 60 países.


Agora, a Saveiro 2017 estreia no mercado brasileiro com diferenciais visuais e mecânicos em relação à família Gol, estando disponível em quatro versões, duas opções de motor 1.6 e três opções de carroceria. A Robust toma o lugar da Startline e está disponível unicamente com cabine simples. Já a Trendline é a única que traz cabine simples, estendida ou dupla. Voltada ao público mais urbano, a Highline é vendida somente como cabine dupla, enquanto a topo-de-linha e aventureira Cross pode ser adquirida com cabine estendida ou dupla.


Com chegada às concessionárias prevista para abril, todas as versões trazem suspensão elevada e novos pneus - uma estratégia para incrementar suas habilidades no transporte de cargas e em terrenos fora-de-estrada. A suspensão dianteira é independente, do tipo McPherson, formada por molas helicoidais com barra estabilizadora, enquanto a suspensão traseira é formada por um eixo interdependente com braços longitudinais e molas progressivas, acompanhadas de barra estabilizadora na versão Cross. O estepe fica localizado na parte inferior da caçamba.


Na carroceria Cabine Dupla, a Saveiro se propõe a levar cinco passageiros, mantendo as duas portas frontais e trazendo teto elevado em quatro centímetros, em comparação com a Cabine Estendida. São 1,34 m de espaço lateral – 7,9 cm a mais do que a Strada Cabine Dupla – 1,01 metro de altura no banco dianteiro (2,3 cm a mais do que a Saveiro Cabine Estendida) e 94,5 cm de espaço para a cabeça no banco traseiro - os bancos de trás estão posicionados 9,5 cm mais altos que na frente. A distância entre-eixos é de 2,75 metros; já a caçamba traz capacidade de 580 litros e comprimento de 1,11 m no assoalho – 17% maior em relação à rival da Fiat.


Internamente, a Saveiro incorpora as melhorias pelas quais Gol e Voyage passaram na linha 2017, com novo painel, console, quadro de instrumentos e volante. O friso horizontal tem acabamentos diferenciados para cada versão. A versão Cross (nas imagens) traz volante revestido de couro com comandos de som e computador de bordo (I-System), coluna de direção ajustável em altura (30 graus) e distância (5 centímetros), rodas de liga leve de 15 polegadas (com pneus 205/60 de uso misto), faróis com função Coming & Leaving Home, capota marítima, santantônio e ganchos deslizantes para fixação de cargas na caçamba.



Nas laterais do banco traseiro há dois porta-garrafas de até 500 mL, um de cada lado, além de uma tomada 12 Volts à direita e um porta-lata no piso. Os vidros laterais traseiros são basculantes e todas as versões Cabine Dupla trazem desembaçador traseiro.



A versão Cross é a única a contar com o motor 1.6 MSI de 16 válvulas e quatro cilindros, recentemente incorporado á versão Comfortline do Golf VII. Dispensando o tanquinho para  partida a frio, rende 110/120 cavalos a 5750 rpm (com gasolina e etanol, respectivamente) e 15,8/16,8 kgfm de torque a 4000 rpm. Com bloco e cabeçote feitos de alumínio, comando de admissão variável e coletor de escape integrado, além do duplo circuito de arrefecimento, a versão Cabine Dupla acelera de 0 a 100 km/h em 10,1/10,6 segundos e atinge a velocidade máxima de 176/173 km/h.

Com esta motorização, a carga útil é de 616 quilos. A picape conta com freios a disco nas quatro rodas, com 280 milímetros de diâmetro na dianteira e 232 mm de diâmetro na traseira. O câmbio é manual, de 5 marchas.


Já as versões Robust, Trendline e Highline vêm com o motor 1.6 EA111 oito-válvulas, aliado ao câmbio manual de cinco marchas. Rendendo 101 cavalos com gasolina e 104 cv com etanol, a versão Cabine Simples acelera de 0 a 100 km/h em 10,7/11,0 segundos, de acordo com a VW. Na carroceria Cabine Dupla, a prova é cumprida em 10,9 s (etanol) e 11,2 segundos (gasolina). Em termos de velocidade máxima, a Cabine Simples alcança 174/172 km/h, enquanto a Cabine Dupla chega a 172/170 km/h (com gasolina/etanol, nesta ordem).

Na Saveiro 2017, são quatro as opções de sistemas de som: Media, Media Plus, Composition Touch e Discover Media. De série na versão Highline, o Media Plus traz tela monocromática, Bluetooth com função streaming de áudio, entradas USB, auxiliar e para cartões de memória do tipo SD, além de rádio e CD Player. Como opcionais, há volante multifuncional e gráficos do sensor de estacionamento traseiro.



O Composition Touch (foto acima), com tela colorida sensível ao toque de 5 polegadas, está disponível nas versões Trendline, Highline e Cross. Traz leitor de mensagens (SMS) em voz alta, com respostas (em voz) codificadas de volta em texto, e traz o MirrorLink, que espelha aplicativos de smartphones com a plataforma Android compatíveis.

Já o Discover Media é a central mais completa em recursos, ofertada nas versões Highline e Cross, possibilitando o espelhamento da tela do celular (compatível MirrorLink, Android Auto ou Apple CarPlay) diretamente na tela de 6,33 polegadas sensível ao toque (com sensor de aproximação).

Conta ainda com CD Player, duas entradas para cartão SD, auxiliar e USB (estas duas posicionadas na parte inferior do console central). É possível parear via Bluetooth dois celulares simultaneamente e operar telefone e som. Há também GPS com MapCare, que permite a atualização periódica gratuita da base de mapas durante toda a vida do veículo, e visualizador de fotos e vídeos. 

Já o som Media, opcional para a versão Trendline, traz Bluetooth com função streaming de áudio, entradas USB, auxiliar e para cartões de memória SD, eliminando o CD Player.

A lista de aplicativos espelhados via MirrorLink inclui: My Guide, Shared Audio, Glympse, Aupeo!, miRoamer, Parkopedia e Sygic – aplicativo de navegação offline, que permite baixar os mapas localmente e utilizar a navegação mesmo sem sinal GSM. Por meio do Android Auto é possível utilizar: Google Maps, Google Play Music, WhatsApp e Spotify. Também estão planejados: SoundCloud, Text Me!, textPlus, Sticher Radio, Pandora internet radio, iHeartRadio, TuneIn Radio, Pocket Casts, Joyride Podcast e Umano. Já os apps operados via Apple CarPlay são: Spotify, Podcasts, Stitcher, Overcast e Umano.

Outra boa nova é o suporte para celular posicionado no topo do painel, que se ajusta para agarrar smartphones de até 6 polegadas. O suporte traz tomada USB e pode deixar o aparelho na horizontal, vertical, voltado para o motorista ou ao passageiro.


Voltada ao trabalho, a Saveiro Robust (R$ 45.530) traz de série protetor de caçamba, banco do motorista com ajuste de inclinação, indicador de troca de marcha, para-sol com espelho para motorista e passageiro, barra para apoio de carga no teto e rodas de aço de 15 polegadas com pneus 205/60. Como opcionais estão os pacotes Acesso Fácil (composto por vidros e trava elétricos, além de chave tipo canivete), Conectividade (inclui som com rádio, CD Player, Bluetooth, MP3 player, entradas USB e  auxiliar, 2 alto-falantes e 2 tweeters) e o módulo Work (que inclui brake-light, santantônio com grade de proteção da janela traseira e iluminação da caçamba).


Versão intermediária da Saveiro, a Trendline conta de série com direção hidráulica, vidros dianteiros elétricos, travamento central, banco do motorista com regulagem de inclinação, faróis de duplo refletor com máscara escurecida, chave tipo canivete (sem controle remoto), antena de teto, para-choque pintado na cor da carroceria e rodas de aço de 15 polegadas com pneus 205/60 e calotas “Pomes”. Custa R$ 47.970 na versão cabine simples, R$ 52.730 com cabine estendida ou R$ 56.270 com cabine dupla.


Como opcional a Saveiro Trendline oferece os pacotes Conforto Completo (ar-condicionado, chave com controle remoto, retrovisores externos elétricos, entre outros itens), Interatividade Media (com o sistema de som Media e suporte para celular), Interatividade Composition Touch (com o sistema multimídia Composition Touch, volante com comandos de som e do I-System, além de suporte para celular) e Módulo Plus (que inclui capas dos retrovisores pintadas na cor da carroceria, sensor de estacionamento traseiro, faróis e lanterna de neblina, capota marítima, janela traseira corrediça para as versões cabines simples e estendida, coluna de direção ajustável em altura e distância, além de rodas de liga leve de 15 polegadas “Basalto”, entre outros itens).


Exclusivamente com cabine dupla, a Saveiro Highline (R$ 63.070) traz frisos laterais cromados e logotipo da versão nas portas dianteiras. De série, ela traz ar-condicionado, faróis e lanterna de neblina, chave-canivete com controle remoto, coluna de direção ajustável em altura e distância, retrovisores com ajustes elétricos, alarme, volante com comandos de som e telefone, rodas de aço de 15 polegadas com pneus 205/60 R15 e calotas “Calcário”, além do som Media Plus.



Como opcionais há: suporte para celular, pacote Highline Completo (que inclui bancos revestidos em couro sintético Native, capota marítima, rodas de liga leve aro 15'' “Basalto”, tapetes de carpete e sensor de estacionamento traseiro com gráficos no visor do som), pacote Interatividade Composition Touch (que inclui a central multimídia e o suporte para celular) e o Módulo Navegação (com o sistema Discover Media e suporte para celular).


E a versão Cross, com o 1.6 MSI de 110/120 cv, traz o pacote de equipamentos da versão Highline, além de volante revestido de couro, ajuste de altura e distância do volante, rodas de liga leve de 15 polegadas “Cherte” (com pneus 205/60), faróis com função Coming & Leaving Home, controle eletrônico de estabilidade (ESC), freios ABS com função off-road e BAS (assistência em frenagens de pânico), EDS (bloqueio eletrônico do diferencial, que em situações de baixa tração, aciona o freio da roda com menor tração, transferindo o torque para a roda com maior tração), controle de tração (ASR) e o HHC (assistente de partida em ladeiras). Seu preço é de R$ 66.110 com cabine estendida; a Cross Cabine Dupla sai por R$ 69.250.


Como opcionais, a Saveiro Cross oferece suporte para celular, módulo navegação (com o Discover Media), pneus 205/60 All Terrain e o pacote Cross Completo, que integra retrovisor interno eletrocrômico, controlador automático de velocidade, sensores crepuscular e de chuva, revestimento dos bancos em couro sintético Native e sensores de estacionamento dianteiros e traseiros, entre outros itens.



Enquanto as versões cabine dupla possuem 4,47 metros de comprimento e 1,71 metro de largura (sem retrovisores), a Cross mede 1,73 m de largura e 4,50 metros de comprimento. Na versão Cabine Simples, o peso é de 1025 quilos, passando para 1072 kg na versão Trendline Cabine Dupla e 1124 kg na Cross Cabine Dupla. A Nova Saveiro conta com três anos de garantia total e uma rede com cerca de 600 concessionárias no Brasil.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Na seção de comentários do Auto REALIDADE você está livre para escrever o que você achou da matéria.

Caso você queira fazer perguntas maiores, incluir fotos ou tirar dúvidas, envie e-mail para blogautorealidade@hotmail.com

Sua opinião é muito importante para o Auto REALIDADE! Estamos a disposição no Facebook (http://www.facebook.com/AutoREALIDADE), no Instagram (http://www.instagram.com/autorealidade e no Twitter (@AutoREALIDADE).

Curta a página do Auto REALIDADE!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...