Volkswagen up! 2020 chega em versões MPI, Connect e Xtreme


O Volkswagen up! completa cinco anos de mercado brasileiro com 300 mil unidades fabricadas, e chega agora à linha 2020 com reorganização de sua gama de versões. Os modelos move up!, cross up! e up! Pepper saem de cena para dar lugar às opções MPI (equipada com o motor 1.0 aspirado de até 82 cavalos com etanol), Connect e Xtreme - estas duas com o motor 1.0 TSI de até 105 cavalos. Não haverá mais oferta de câmbio automatizado I-Motion para o up! 2020, e as três versões serão vendidas em pacotes únicos, sem opcionais.


Os preços são:

up! MPI – R$ 49.590 (R$ 3270 a menos que o move up! MPI)
up! Connect – R$ 54.890 (R$ 7940 a menos que o up! Pepper, R$ 4030 a menos que o move TSI)
up! Xtreme – R$ 56.890 (R$ 5540 a menos que o cross up!)


O up! MPI possui maçanetas e capas dos retrovisores pintados na cor da carroceria, além de faróis com máscara escurecida (antes só disponíveis nas versões TSI). Mas para custar menos que o move up! aspirado, foram embora os faróis de neblina e as rodas de liga leve, trocadas por rodas de aço de 14 polegadas com calotas.


A lista de itens de série do up! MPI inclui ar-condicionado, direção com assistência elétrica, luz de condução diurna halógena, volante com comandos de som e computador de bordo, chave tipo canivete com controle remoto; travas, vidros dianteiros e retrovisores elétricos (o espelho direito possui função tilt down ao engatar a ré) e som com suporte para smartphone no painel.


O up! MPI traz pneus 175/70 R14, banco do motorista com regulagem de altura e alerta sonoro dos faróis acesos, além de ajuste de altura para o volante. Atrás do suporte do celular (flexível e removível) há uma entrada USB exclusiva para carregamento.


O up! Connect, que retorna como versão (anteriormente era uma série especial para marcar a reestilização do up! em 2017) vem equipado com novas rodas de liga leve de 15 polegadas (as mesmas do extinto high up!, com pneus 185/60 R15), e faixa lateral. Por se tratar de uma versão TSI, conta com parte central do para-choque e tampa do porta-malas pintadas de preto.


O up! Connect traz a mais, em relação à versão MPI, iluminação ambiente no painel, faróis de neblina e som Composition Phone, com tela colorida, Bluetooth e leitura de dados pela entrada USB do suporte para celular. 


A Xtreme, que passa a ser a opção de topo do up!, lembra o cross up! mas é mais "civilizado". Traz retrovisores na cor preta, rack de teto prateado, rodas de liga leve de 15 polegadas diamantadas com detalhes em preto brilhante (com pneus 185/60 R15) e adesivo alusivo à versão nas laterais. A mais que o up! Connect, o Xtreme vem com sensor de ré. Em relação ao cross up!, esta versão perdeu alguns detalhes de acabamento, como o friso preto-brilhante do volante e a capa colorida da manopla de câmbio.


O up! tem garantia total de três anos e é oferecido agora em apenas cinco cores: Preto Ninja, Branco Cristal e Vermelho Flash (sólidas), além das metálicas Prata Sírius e Cinza Platinum.


O motor 1.0 TSI Total Flex, com injeção direta e turbocompressor, possui três cilindros e 999 cm³ de cilindrada. Sua potência é de 101 cavalos a 5000 rpm, quando abastecido com gasolina, e de 105 cv à mesma rotação, com etanol. O torque é de 16,8 kgfm, com gasolina ou etanol, disponíveis já a partir de 1500 rpm. 


O up! "170 TSI" acelera de 0 a 100 km/h em 9,4 segundos e atinge 183 km/h de velocidade máxima, com etanol. Ao ser abastecido com gasolina, acelera de 0 a 100 km/h em 9,6 segundos, e chega à velocidade máxima de 181 km/h.


Já o motor 1.0 aspirado tem 82 cavalos quando abastecido com etanol e 75 cv com gasolina no tanque. O torque é de 10,4 kgfm a 3000 rpm com etanol e de 9,7 kgfm à mesma rotação, quando abastecido com gasolina. A partir de 2000 rpm, 85% do torque está disponível. O up! MPI acelera de 0 a 100 km/h em 12,9 segundos e atinge 162 km/h de velocidade máxima com etanol. Já com gasolina, o hatch vai de de 0 a 100 km/h em 13,1 segundos, com velocidade máxima de 161 km/h.


Todo up! traz fixações ISOFIX e Top-tether para fixação de cadeirinhas infantis, além de alerta visual/sonoro do não uso dos cintos de segurança dianteiros. Com 2,42 metros de distância entre-eixos – uma das maiores no segmento, apesar do curto comprimento –, o up! tem 1,50 metro de altura, 1,64 m de largura (sem retrovisores) e porta-malas de 285 litros.


A carroceria do up! tem 75% de seu peso composto por aços de ultra-alta resistência, alta resistência, média resistência e de estampagem profunda. O up! também utiliza aços conformados a quente, que possuem ainda maior resistência e que permitiram reduzir o peso da estrutura do carro. Isso melhora a segurança e a rigidez torcional da carroceria.


Outro destaque é o custo de reparo: o up! possui índice 10 no CAR Group 2019, elaborado pelo CESVI Brasil, ranking que avalia o custo e o tempo de reparo dos veículos vendidos no Brasil após uma colisão. Quanto menor o número (na escala de 10 a 60), mais fácil e barato é o veículo no aspecto de reparabilidade.

Comentários

  1. Legítimo carro que quem não conhece torce o nariz pelo preço. Mas quem tem quer ter outro. Possuo um move tsi 2018 e só troco ele quando vier o 2021 que a principio será seu ultimo ano. Seguro baratíssimo, economico e um foguete, fora a questão de segurança e qualidade de construção.

    ResponderExcluir
  2. É uma pena, que saiu o sensor de chuva e iluminação :/ Deveria tá incluso no Xtreme, nao gostei do conect ñ apresentar o sensor de estacionamento

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Na seção de comentários do Auto REALIDADE você está livre para escrever o que você achou da matéria.

Caso você queira fazer perguntas maiores, incluir fotos ou tirar dúvidas, envie e-mail para blogautorealidade@hotmail.com

Sua opinião é muito importante para o Auto REALIDADE! Estamos a disposição no Facebook (http://www.facebook.com/AutoREALIDADE), no Instagram (http://www.instagram.com/autorealidade e no Twitter (@AutoREALIDADE).