Mercedes Classe B, reestilizado, chega por R$ 128 900


Começa a chegar às concessionárias brasileiras o novo Mercedes-Benz B 200, que passou por alterações externas e internas. De frente, a grade está mais larga (os novos faróis passam a acompanhar seus contornos laterais). Os para-choques ganham formas mais esportivas - um tanto destoantes das rodas aro 16'', calçadas por pneus 205/55. Além disso, as lanternas ganham novo estilo interno.


Por dentro, o Classe B conta com novo volante multifuncional revestido em couro, sistema de som Audio 20 (com tela sensível ao toue de 7 polegadas, CD player, Bluetooth para celular e players de mídia e GPS, com mapas Garmin MAP PILOT), revestimento interno em couro sintético Ártico - em opções de cores bege, preta ou preto com cinza (com o teto em revestimento preto), banco do motorista com ajustes elétricos (inclusive lombar) e posições de memória, dois pontos de fixação de cadeirinhas infantis (ISOFIX) e elevação dos bancos laterais traseiros ao toque de um botão na parte frontal (adequado para crianças de 7 a 10 anos, que devem sentar em posição mais alta para o cinto de segurança passar pelo ombro), sete airbags (frontais, laterais, de cortina e para os joelhos do motorista), pneus run-flat (mesmo estourados, podem rodar por até 80 quilômetros a velocidade reduzida), monitoramento da pressão dos pneus, Attention Assist (monitora o nível de atenção do motorista entre 60 e 200 km/h), ECO Start/Stop, freios ABS com EBD adaptativos e com assistência em emergências, controles eletrônicos de estabilidade (ESP) e tração na aceleração (ASR), distribuição eletrônica da tração em cada roda (ETS), assistente de partida em subidas (HSA), pré-carregamento dos freios em emergências (PRIMING), Brake drying (escoamento da água acumulada nos discos de freio) e função HOLD, que mantém o veículo parado sem necessidade de manter o pé no pedal do freio.


O Classe B mantém o porta-malas de 488 litros (ampliáveis para 1547 L com o rebatimento do banco traseiro), o câmbio automático 7G-DCT e o motor 1.6 Turbo com injeção direta de combustível, que rende 156 cavalos a 5300 rpm e torque de 250 nm entre 1250 e 4000 rpm. Segundo a Mercedes-Benz, a minivan de 1425 quilos e 4,39 metros de comprimento acelera de 0 a 100 km/h em 8,4 segundos, alcançando a velocidade máxima de 220 km/h, limitada eletronicamente. O B 200 chega ao País custando R$ 128 900.

Comentários