Chevrolet S10 Z71: versão aventureira chega ao Brasil por R$ 260.490

O segmento das picapes médias acolheu bem as versões de apelo aventureiro das representantes desta categoria. Nissan Frontier Attack, Ford Ranger Storm e Mitsubishi L200 Triton Outdoor estão entre as opções com apelo assumidamente fora-de-estrada. Agora é a vez da Chevrolet apresentar a S10 Z71, aproveitando uma designação bastante familiar do público norte-americano. A sigla Z71 denomina o pacote off-road disponível para Colorado e Silverado. Pelo preço de R$ 260.490, a S10 Z71 será uma versão intermediária entre a 2.8 Turbodiesel LT (R$ 241.790) e a 2.8 Turbodiesel LTZ (R$ 263.190).

Na S10 Z71, os diferenciais estéticos se iniciam pela grade frontal, que é praticamente a mesma da versão High Country, com o nome "Chevrolet" na moldura entre os faróis (com máscaras negras e luzes de posição de LED). Ao invés da gravatinha da marca no canto esquerdo, aparece o emblema "Z71". Já o para-choque dianteiro possui moldura central na cor preto-brilhante.

As rodas de 18 polegadas da S10 Z71 são as mesmas das versões LTZ e High Country, mas contam com pintura totalmente preta nesta versão e pneus todo-terreno 265/60. A picape aventureira também dispõe de barras de teto, capas dos retrovisores em preto, estribos laterais e adesivos com grafismos diferenciados nas portas, além de molduras de plástico preto em torno dos para-lamas (com as gravatinhas da Chevrolet nas peças dianteiras) e do santantônio tubular, exclusivo desta versão.

A traseira traz lanternas com lentes escurecidas, emblemas em preto-brilhante, para-choque na cor preta e uma faixa adesiva na tampa da caçamba. A picape terá quatro opções de cores para a carroceria: Cinza Topázio, Prata Switchblade, Branco Summit e Azul Eclipse.

Internamente, a versão Z71 conta com revestimento de couro sintético no volante, nos bancos, nos forros de porta e no painel, sempre na cor preta e com costuras nas cores branca e vermelha. O console central traz moldura em preto-brilhante e as portas dianteiras trazem pequenos emblemas com o nome da versão. 

De série, a S10 Z71 conta com 6 airbags (frontais, laterais dianteiros e de cortina), direção elétrica, ar-condicionado (manual), sistema multimídia com tela sensível ao toque de 7 polegadas e espelhamento de tela de celulares através do Android Auto e Apple CarPlay, câmera de ré, controlador de velocidade em descidas, vidros elétricos com abertura e fechamento associados aos botões de travamento e destravamento das portas na chave-canivete, banco traseiro rebatível com porta-objetos, computador de bordo, freios ABS com distribuição eletrônica de frenagem e controles de estabilidade e de tração.

O conjunto mecânico da S10 Z71 é composto pelo motor 2.8 Turbodiesel de 200 cavalos e 51,0 kgfm de torque, pelo câmbio automático de 6 marchas com modo sequencial e pela tração 4x4 com seletor giratório no console central, que permite alternar entre tração traseira, tração nas quatro rodas e 4x4 reduzida. Segundo a General Motors, a Z71 acelera de 0 a 100 km/h em 10,1 segundos e tem consumo de diesel de 8,3 km/l na cidade e de 10,6 km/l na estrada, de acordo com o padrão do Inmetro.

Com a introdução desta nova versão, a S10 Turbo Diesel de cabine dupla passa a ser comercializada em cinco níveis opções (LS, LT, Z71, LTZ e High Country). A S10 Z71 começa a chegar às concessionárias Chevrolet do Brasil entre o fim de outubro e o início de novembro.


Comentários