Destaques do Auto REALIDADE

quinta-feira, 4 de fevereiro de 2016

Scion é extinta do mercado norte-americano


A divisão de apelo jovem da Toyota apresentada ao mundo em 2002 dá adeus este ano ao mercado dos Estados Unidos. No início da carreira da montadora, iniciada em janeiro de 2003, eram dois modelos: o xA, baseado no Toyota ist comercializado no Japão, e o mais famoso, o xB, uma variação do Toyota bB também oferecido no mercado japonês. O estilo customizável dos modelos, aliado aos preços baixos para os padrões dos EUA, fez com que os modelos alcançassem grande sucesso em meados da década de 2000.


Com o tempo foram sendo apresentados novos modelos, como o cupê tC em 2004 (modelo baseado estruturalmente no Toyota Avensis mas que não tinha equivalente da marca-mãe) e o iQ em 2012, uma versão do pequenino Toyota homônimo, para 3 pessoas (quatro, só com muita boa-vontade). Os pioneiros xB e xA ganharam novas gerações desenhadas exclusivamente para o mercado norte-americano, sendo que este último passou a atender pelo nome xD e passando a ser baseado no Toyota Urban Cruiser.



Ao longo dos anos a Scion também apresentou diversos carros-conceito, com design extravagante e muita psicodelia na parte interna (na ordem: acima, xA Speedster, de 2004; em seguida, t2b Concept, mostrado no Salão de Nova York de 2005 e que antecipou detalhes do novo xB; FUSE Sports Coupe Concept, de 2006, e Hako Coupe Concept, de 2008), séries especiais de início da comercialização de novos modelos e personalizações extravagantes para exibição em edições do SEMA Show.



Mais recentemente, a Scion passou a disponibilizar para os norte-americanos o aclamado cupê esportivo Toyota GT 86/Subaru BRZ (com o nome FR-S), o sedã compacto iA (adaptação do Mazda2 Sedan, comercializado no México como Toyota Yaris R e cotado para ser vendido no Brasil) e o hatch médio iM (rebadge do Toyota Auris, o "Corolla hatch"). Os modelos-chefe xD e xB deixaram de ser produzidos em 2014 e 2015, respectivamente.


A Scion deixa de operar como submarca em agosto, como consequência da brusca queda em vendas, com estratégia superada (modelos com curtos ciclos de vida e concessionárias recebendo pouca lucratividade), mas os modelos atualmente comercializados serão vendidos como Toyota a partir do ano-modelo 2017, provavelmente com os mesmos nomes pelos quais já atendiam no mercado norte-americano. O utilitário C-HR (abaixo), que seria lançado nos EUA como Scion, já chega ao país como Toyota. O FR-S passa a atender por Toyota GT86. Já o cupê tC deixa de ser produzido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Na seção de comentários do Auto REALIDADE você está livre para escrever o que você achou da matéria.

Caso você queira fazer perguntas maiores, incluir fotos ou tirar dúvidas, envie e-mail para blogautorealidade@hotmail.com

Sua opinião é muito importante para o Auto REALIDADE! Estamos a disposição no Facebook (http://www.facebook.com/AutoREALIDADE), no Instagram (http://www.instagram.com/autorealidade e no Twitter (@AutoREALIDADE).

Curta a página do Auto REALIDADE!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...