Expedição Nissan Frontier visita as riquezas arqueológicas do Pará

Citroën Berlingo volta ao Brasil com motor 1.6 Flex e instrumentos digitais


Sem alarde, o Citroën Berlingo retorna às concessionárias brasileiras. O irmão gêmeo do Peugeot Partner, que chega como linha 2019, também só será oferecido na configuração furgão e na cor de carroceria Branco Banquise, pelo preço de R$ 64 990. O Berlingo que volta ao Brasil ainda é pertencente à primeira geração da multivan, lançada em 1996 e reestilizada em 2002. Para se ter uma ideia do quando o modelo está defasado, a segunda geração europeia chegou em 2008, e a terceira estreou este ano.



No entanto, isso não significa que o Berlingo não traga novidades. O motor 1.6 16 válvulas Flex recebeu as atualizações da linha C3 e Aircross, como o pré-aquecimento do combustível. Agora rende 115 cavalos com gasolina e 122 cv com etanol; o torque é de 15,2 kgfm com gasolina e 16,1 kgfm com etanol, sempre a 4000 rpm. O câmbio é manual de 5 marchas.

Segundo a Citroën, o Berlingo acelera de 0 a 100 km/h em 10,3 segundos com etanol e 11,0 s com gasolina. A velocidade máxima é de 166 km/h com o combustível derivado do petróleo e de 173 km/h com o combustível proveniente da cana-de-açúcar. O tanque de combustível acomoda 55 litros.


Outra novidade - compartilhada com o C4 Lounge e que futuramente também estará no C4 Cactus - é o quadro de instrumentos digital. Este item se soma a equipamentos de série como ar-condicionado (para a cabine), direção hidráulica e ajuste de altura do volante, portas traseiras com abertura de 90 ou 180 graus, porta lateral deslizante do lado direito, rodas de aço de 14 polegadas com pneus 175/65, fiação para rádio (sem alto-falantes), relógio digital, bancos reclináveis, indicador de troca de marcha, cintos dianteiros com regulagem de altura, tomada de 12 Volts, airbags frontais, freios ABS, protetor de cárter e regulagem de altura dos faróis (com função follow me home, que os mantém acesos segundos após desligar a ignição).


A carga útil do Berlingo é de 800 quilos, e o volume útil, de 3,0 metros quadrados. O compartimento de carga possui luz, grade divisória e ganchos para amarração de carga. A garantia é de 1 ano ou 100 mil quilômetros, o que ocorrer primeiro.

Comentários